Fotografia
17/02/2016

Chegou aquela que só participa de projetos fotográficos!

Rufem os tambores, estou aqui para apresentar o Essential Book, um projeto que a Nina, do blog Nina é Uma me convidou para participar. A proposta é fotografar, uma vez por mês, a essência de um personagem, mas, por ser um projeto bem livre não tem nenhuma personagem pré-estabelecida, e sim uma temática em comum. O tema de fevereiro foi a essência de uma personagem feminina – que pode ser a protagonista ou não.

Não tinha como ser diferente, né migos, vamos lá que eu decidi começar com Hermione Granger, e como ela dispensa apresentações vou direto para as fotos.

1

I. Não sei como vocês se sentem em relação à Emma Watson mas eu sei que eu a amo, e apesar de ter sido a atriz no trio principal que mais conseguiu se livrar da estigma de ficar eternamente marcada como “Aquela menina do filme do Harry Potter”, ela é para mim a Hermione perfeita.

8

II. Tentei ir separando ao longo dos sete livros os meus momentos favoritos da Hermione, mas não botei todos pra não ficar um montão de fotos, hahaha. Qualquer pessoa que me conhece sabe que o meu livro favorito da coleção de Harry Potter, é, sem dúvida, o Prisioneiro de Azkaban. Os motivos são infinitos (são mesmo, já tentei contar!) mas uma das razões é o quanto da personalidade da Hermione podemos conhecer.

5

III. Em contrapartida com o livro anterior, O Cálice de Fogo é o livro que eu menos gosto! Vou revelar um segredo aqui: Eu custei terminar de lê-lo. Me orgulho em dizer que já li a série Harry Potter várias vezes mas a verdade é que O Cálice de Fogo eu custei ler uma, e, PASMEM, fui pulando algumas páginas porque não tenho paciência com tanta lenga lenga. Acho que a J.K.Rowling é uma mulher de infinitos talentos mas lidar com sentimentos amorosos da adolescência não é o maior deles, então acho difícil engolir que um livro daquele tamanhão é só pra falar que o Voldemort voltou.

Masss, a verdade precisa ser dita, um dos melhores acontecimentos da série é o “relacionamento” que a Hermione tem com Victor Krum. O Baile de Inverno inicia tudo, e é nele que Rony começa a perceber como pode ser chata a vida sem a sua melhor amiga. Uma das melhores cenas tanto do livro como do filme, para mim, é quando Rony vê Mione toda arrumada chegando na festa, a-d-o-r-o! Compensa todas outras cem mil páginas do livro.

8

IV. Chegou o meu segundo livro favorito. Não, não é coincidência que as histórias que eu mais goste são as que dão mais destaque aos marotos e ao Sirius, é a verdade da vida mesmo que eu sou apaixonada por eles e amo ler tudo que tem a ver com o universo deles, inclusive foi assim que comecei a escrever fanfics e virei escritora. A Ordem da Fênix é um livro mais pesado, acho que assim como no Prisioneiro aqui o trio começa a encarar uma nova realidade e por causa disso são forçados a crescer. A Armada de Dumbledore é uma iniciativa da Hermione, e eu decidi fotografar esse pergaminho, que é uma cópia com a assinatura de todos os participantes da AD, porque acho que poucas coisas são tão nossas quanto nossa caligrafia. Achei que a da Mione combina muito com ela.

3

V. Não sei falar pra vocês o quanto eu esperei pela cena que selaria o amor (ao meu ver já muito evidente) entre Ron e Mione. Mas nem nos meus melhores sonhos eu podia esperar que seria um beijo tão leve, fofo e natural quanto esse. Me lembro até hoje de quando Harry Potter e as Relíquias da Morte foi lançado e a Máfia dos Livros foi traduzindo e soltando capítulo por capítulo e eu lendo ao longo da madrugada com a minha irmã no mesmo computador, esse dia foi loco, quando chegamos nessa parte quase tivemos um ataque.

7

VI. Não tinha como falar da Hermione e não falar da paixão pelos livros, né? Apesar de As Relíquias da Morte ser um livro bem corrido e com muitos acontecimentos, a parte da caça às horcruxes, depois que o trio foge e passa a se refugir em florestas, eu acho meio parada. Um dos meus maiores confortos é quando eles vão visitar o sr. Lovegood e a Hermione associa a história com o livro que o Dumbledore deixou para ela. Só um aficionado por livros poderia apostar tanto em uma história de dormir, o próprio Rony que já conhecia a história desde sempre não imaginava que podia ser real. Na minha opinião Dumbledore foi muito mestre em deixar presentes tão relacionados a cada um deles, às vezes fico me perguntando o que ele me daria.

6

VII. Sempre tive dificuldades em lidar com a divisão dos personagens nas casas de Hogwarts porque, em primeiro lugar, eu acho que não deveria haver essas casas, e, em segundo lugar, a maioria dos personagens eu acho que foi pra casa errada. Então eu sempre fiquei me perguntando porque a Hermione não estava na Ravenclaw.

Resolvi responder meus próprios conflitos com uma das cenas que mais mexe comigo, quando a Hermione conta aos meninos que apagou a memória dos pais dela para evitar que eles fossem capturados, torturados e revelassem qualquer informação aos comensais sobre ela ou sobre Harry. Ou seja, os pais dela deixam de saber que ela é filha deles, deixam de saber, na verdade, até que ela existe. Não tem prova de lealdade maior do que essa.

____________________________

Espero que tenham gostado do projeto e da personagem que eu escolhi. Quem tiver mais informações sobre a Hermione que gostaria de adicionar à minha postagem deixe aqui nos comentários que eu posso até adicionar outras fotos depois!
Para conferir as postagem sobre a essência de uma personagem feminina em outros blogs é só clicar abaixo.

Segredos de uma cerejeira | Amantes da leitura | Raphael Sulivã |
Livro arbítrio | SammySacional | Nina é UmaCupcakeland |
Pensamentos valem ouro | Outro capítuloNaive heart
Beijos,
Carol Santana
Fotografia
07/07/2015

Eis que chegou o Inverno e eu não sei vocês, mas eu não poderia estar mais feliz. Primeiro porque dá pra ir trabalhar a pé sem chegar lá suada. Segundo porque se alguém me chamar pra sair e eu falar que não vou porque tô com frio, ninguém tem o direito de achar ruim (de qualquer não tem direito de achar ruim, mas geralmente acham). E a melhor coisa sobre o Inverno, é claro, é poder ver todas as séries, filmes e livros do mundo e a gente fica meio preguiçoso então sobram algumas horinhas pra descuido.

O 6 on 6, que é um projetinho aqui do blog para mostrar mais da minha visão sobre um tema específico, vamos ver então como é o Inverno por aqui.

11 1413202215

I. Vamos pegar os nossos DVD’s e maratonar Harry Potter. Fiz um 6 on 6 um pouco potterhead porque o mês de Julho é o mês mais potterhead da vida, então foi difícil não me inspirar. Na vibe do frio rolam muitos filmes, e apesar de achar que foi uma adaptação fraca, eu gosto bastante da Ordem da Fênix porque apesar de ser potterhead de carteirinha (literalmente) eu tenho mil vezes mais preferência pela história dos pais do Harry do que pela história do Harry mesmo. A foto da Armada é meio pixelada e desfocada pra dar o aspecto de velho, e ela perde ainda mais um pouco do foco porque se você vira ela na mão contra a luz os personagens mudam de lugar pra dar a ideia das fotos que se movem no mundo mágico.

II. Pra ficar mais aconchegante no frio em frente à TV para maratonar Harry Potter, nada melhor do que meu cosplay, que é bem quentinho. Me julguem (ou não, whatever).

III. O Prisioneiro de Azkaban é sem dúvida o meu livro favorito. Conta a história do Sirius, que é meu personagem favorito, e a história dos pais do Harry, que pra mim é a melhor parte da saga inteira. Além do mais é o livro em que os dementadores mais aparecem, logo, frio e esse capítulo é muito especial porque até hoje tenho dúvidas profundas sobre qual é a minha casa de verdade. Fui colocada três vezes na Corvinal pelo Pottermore, mas cresci com carinho pela Grifinória, hoje me identifico mais como Corvinal apesar de o meu cosplay – que é bem antigo – ser da Grifinória.

IV. Falem o que quiserem, mas as melhores histórias do mundo – ou pelo menos as minhas histórias favoritas – envolvem viagem no tempo. Como podia ser diferente com essa sendo que ela ainda é focada na Hermione? Impossível.

V. E aí, como a vida não é só Harry Potter (mas devia ser), separei as coisas que eu mais gosto de usar no Inverno: as botinhas. Pra falar a verdade eu uso no verão também e não tô nem aí, mas tem dias que estão quentes demais e não dá pra aguentar. No Inverno além de poder usá-las livremente ainda chegam mais opções nas lojas. Muito amô.

VI. E já que estamos falando sobre as principais escolhas fashion do Inverno, tá liberado usar batom escuro. Usem mais que tá pouco. Aí estão os meus favoritos: O Cabernet da Eudora, o Framboesa da Avon e o Rebel da MAC. Reparem que estão todos acabando, então, quem quiser mandar de presente tô aceitando.

__________________________________

É isso pessoal, espero que tenham gostado das minhas escolhas favoritas de Inverno, não deixem de conferir as fotos das meninas, tá bem?

Gema de Ovo / Sempre Linda / Diários de um Piquenique / Drawings and Dreams / Qual seu lado B? /

 

 

Beijos,
Carol Santana
Fotografia
30/06/2015

Voltei com o Lenstrick, e o tema desse mês foi Natureza usando a técnica Macro. Confesso que foi difícil no começo, ajustar o foco e tentar não deixar todas as fotos centralizadas, mas depois acabei me soltando e aprendi algumas coisinhas, vamos ver os resultados? Ficaram bem coloridinhas e tá muito amor. Quem quiser mais informações sobre a técnica é só clicar AQUI.
62457

 

Como vocês sabem o Lenstrick é um projeto em grupo, então, para conferir os resultados das meninas é só conferir nos links abaixo:

 / Tati / Luanna / Lory / Aléxia / Nicolle / Mari / Julie /

Beijos,
Carol Santana
Páginas1234