large-1

Querido,

Foi uma longa jornada até aqui.

Épica, não é mesmo? Com muitos clichês, alguns tombos. Vários altos e baixos, um coração partido aqui e ali. Meia dúzia de promessas feitas e seis dezenas de outras não cumpridas. Alguns vários potes de Nutella, numa vibe meio “beber pra esquecer os problemas”. Você sabe, cada um tem sua forma de escapar da realidade.

Meu querido, meu bem, meu amor. Foi uma estrada cheia de curvas, altos e baixos. Buracos se perdendo no desfiladeiro, lágrimas se fundindo com água no chuveiro, gritos sufocados no travesseiro. E eu quero que você saiba que eu passaria por tudo outra vez, pois eu sei que cada momento da minha vida me preparou para te encontrar. Meu novo amor.

Parece apropriado dizer meu novo amor, sabe querido? Pois sou uma nova eu. Você jamais teria me amado no passado pois foram épocas macabras em que eu mal podia amar a mim mesma. Puxa, eu magoei um bocado de gente. Fiz escolhas tortas que entortaram meu coração pra lados escuros e ainda por cima não tive certeza de quem eu era por longos anos. Mas sei hoje que você, que ainda vai me amar, vai me amar com tudo que restou, ferveu e se transformou aqui dentro.

Você que ainda vai me amar jamais vai ter que esquecer daquelas coisas tão imaturas que fiz quando procurava por mim mesma, pois você já me conheceu toda completa. Você que ainda vai me amar vai saber que eu gosto de canela, e para ti vai ser como se sempre tivesse sido dessa forma. O cheiro de café na manhã, e a canela invadindo a casa. Você que ainda vai me amar vai ter conhecido essa mulher incrível que te ensinarei a amar, pois eu a amo também.

Você que ainda vai me amar vai ter tido suas próprias memórias em desfiladeiros, chuveiros e travesseiros. E você vai saber que todas essas experiências te prepararam para estar comigo. Você vai me amar apesar de todas essas coisas, pois já perdeu o suficiente na sua vida para saber o que realmente é precioso. Você, meu querido, é completo. Não vai procurar em mim algo para preencher vazios em você, você sabe quem é. Aho, como essas certezas pessoais são preciosas em um relacionamento!

Sei que apesar dos trancos e barrancos haverão os dias em que você, que ainda não me ama, vai me amar apesar de me odiar. Vai me amar apesar do meu cabelo bagunçado, meu jeito desengonçado, meu espírito desequilibrado. Você, que ainda não me ama, vai me amar como não pensou que poderia amar outra pessoa novamente.

Mas não é novamente, meu amor. Todos os amores de nossas vidas são diferentes, entende? Pelas infinitas pessoas que nos transformamos ao longo dessa vida. Pelas infinitas pessoas que conhecemos ao longo dessa vida. Pelas infinitas experiências que nos modificam nessa vida. Pelas infinidades de infinitos que cabem em nossa vida.

Ah, meu bem. Esse amor – tão doce – de jogar as pernas para cima e jogar vídeo-game, comer pipoca, ver filmes e ler livros com a cabeça no colo um do outro, vai aquecer seus dias gelados como se nunca tivessem experienciado a solidão algum dia. Sei que você ainda não me ama, talvez seu coração ainda esteja tomando as decisões tortas da sua vida, ou talvez ele ainda esteja totalmente intoxicado pela sombra que alguém deixou.

Estamos meses separados de sequer ouvirmos falar da existência um do outro. Daqui algumas luas vamos nos encontrar na fila de um cinema, ou tentar comprar a última Nutella no mercado, ou ver um ao outro lendo o mesmo livro no metrô, e você vai se lembrar de como é a sensação de sentir que seu coração está finalmente livre de tudo aquilo que você já não ama mais, apesar de ter te transformado tanto.

É uma coisa difícil aceitar que não amamos mais tudo aquilo que passamos todos esses anos acreditando que teríamos no travesseiro ao lado pelo resto de nossas vidas, não é mesmo, meu bem? É uma sensação de engano na boca do estômago. De vazio no peito. De nó no coração. Você, que ainda não me ama, vai saber do que estou falando pois sei que você já amou antes. E acabou.

E, puxa vida, como você se sentiu sozinho depois disso. Como você teve tempo pra se conhecer e fazer tudo que realmente ama. Redescobrir suas paixões. Reestabelecer suas prioridades. Puxa, como isso te preparou para saber que seu coração estaria livre e curado um dia. Minha nossa, como isso foi importante para que seus olhos se revirassem e sua boca se curvasse num sorriso meio de esguelha naquela fila, ou naquele mercado, ou naquele metrô.

Ah, meu bem. Obrigada por segurar firme ao longo de cada desfiladeiro, chuveiro e travesseiro que teve que enfrentar sozinho antes de me amar. Sei que você poderia ter desistido em qualquer um deles, mas o fato de ter persistido é o que moverá nossos pés em direção um ao outro. Se, pelo menos, continuarmos nos movendo.

Você ainda não me ama, mas, quando finalmente estiver pronto para isso, saiba que também vivi umas coisas exageradamente fantásticas que prepararam a minha vida para ser o amor da sua. Ou, pelo menos, dessa sua versão que seguiu acreditando que me encontraria mesmo depois dos vários potes de Nutella esvaziados a uma colher só. Te digo isso agora pois quero que saiba, o amor é a coisa mais absolutamente transformadora que já vivi, e, no entanto, quão revelador é saber que precisamos mudar até estarmos prontos para amar alguém?

À você que ainda vai me amar quero dizer: estou muito feliz em saber que um dia vou te encontrar. É como se eu sempre tivesse te amado, por toda a minha vida, sem saber que todo esse amor é pra você.

  • dia 15/12/2016

    Tô aqui, sim. Oi, senhora. Estaria eu completamente apaixonada por esse texto depois desse hiatus que me deixou órfã por várias semanas, nas quais precisei muito das suas palavras? Pois é.
    Esse texto não me tocou pelo seu objetivo, que é falar para alguém que ainda vai chegar (é esse o objetivo, né? Haha). É que, quando venho aqui, eu sempre me emociono mais pelo que descubro de você e pelo que sei que vou encontrar em suas palavras: amor e esperança.
    Acho que eu não tô na vibe do amor romântico, então, poucas coisas referentes a isso me fez querer chorar, ou sentir um aperto no peito. Na verdade, com esse texto, eu tô é muito feliz, viu. Feliz por ver que cê tá feliz com quem e por quem é. Espero que você lembre sempre quão incrível e sensacional você é <3
    E que merece todo o amor (romântico ou não) do mundo <3

    P.S.: não me deixe órfã de novo, não, por favor :)
    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    [Responder]



Top