bsAs

Sinceramente, já estava ficando desesperada de pensar que o blog ia completar seis meses de vida e eu não ia ter conseguido estrear a categoria “Viagem” aqui ainda. Ano passado saturei o Caixa-A-A (o blog anterior a esse o qual mantive por cinco anos) com postagens sobre a Dublin, Paris e Londres (acho que não mostrei Roma e nem Verona), e por motivos bem e$pecífico$ achei que não fosse conseguir viajar esse ano, o que já estava me deixando maluca, porque vocês sabem, viajar e poder conhecer lugares diferentes é a coisa que eu mais amo fazer na vida, esse ano fui abençoada! Consegui comprar a minha câmera dos sonhos então a qualidade das fotos e posts de viagem vai ser bem melhor, fiquem ligadas porque dia 14 tô embarcando.

Essa é mais uma viagem que eu faço por conta, sem agência, e posso dizer que a cada ano estou pegando ainda mais o jeito! A primeira coisa a fazer foi definir a data. Estou indo com uma amiga querida e decidimos usar o período de férias dela para viajar, depois de escolher a data hora de reservar o hotel e comprar as passagens! E agora que tudo está cuidadinho estou finalizando o roteiro. O legal de fazer viagem por conta é que você consegue direcionar a sua viagem para aquilo exatamente que você quer. Não me entendam mal, eu não estou aqui para desmerecer nenhuma agência, ou dizer que usá-las não é bom, mas para viagens curtinhas eu prefiro meter a cara e ir do meu jeito mesmo.

Vamos chegar no dia 14, um sábado, por volta das 17h, então a ideia é ir fazer alguma coisa na noite desse dia. Pensamos em ir na Feira da Recoleta porque fica funcionando até 20h da noite, e é bem perto de onde estaremos hospedadas. Parece ser o lugar ideal para comprar lembrancinhas e coisas fofas. Loguinho dou o veredito, tá?

Foto do Lu Scchierolli

No domingo queremos ir uma das feiras mais famosas da cidade, que é a Feira de San Telmo e ir Puerto Madero, que estou muuuuuuito ansiosa para conhecer. Como vocês sabem, sou apaixonada por tudo de mar ou que tem relação com o mar, faróis, pontes, e portos <3.

Só embarcamos de volta para o Brasil no domingo seguinte às 22h da noite, então durante a semana planejamos ir no Bairro Palermo, no Zoológico de Lujan (vou tentar entrevistar o pessoal que trabalha lá para desvendar o mistério da lenda dos tranquilizantes!), Jardim Japonês, Parque Temaiken, Cemitério, O Bairro da Boca, a livraria Ateneo, o Rosedal, A Casa Rosada (o dilema é: noite ou dia?), assistir Tango, visitar lugarezinhos pequenos e fofos os quais quero muito que vocês me contem aqui nos comentários quais são os melhores, porque se tem uma coisa que eu amo é ver coisas da fazem da cidade um lar para aquele povo.

Tem mais recomendações pra mim? Ainda tenho uma semana para ouvir cada conselho. Me ajudem a fazer uma super viagem e deixem aqui para mim as melhores sugestões de BAs.

  • Igor
    dia 06/11/2015

    Lugares obrigatórios para ir:
    Cemitério (Tira uma foto do mausoléu da Evita e tenta pegar um guia para explicar a história, muito linda);
    Rosedal;
    Livraria Ateneo;
    Jardim Japonês;
    Balsa para Uruguai;
    Visita por trem da Cidade do Tigre;
    Passeio de barco no Tigre;
    Casa de Ópera;
    Museus, cafés e afins;
    Caminito;
    Casa Rosada;
    Feirinhas do Boca (mas não compensa comprar lá porque é muito caro)
    Banco onde fica a Mafalda;
    E POR FAVOR, tira várias fotos do Palermo porque eu to MORRENDO de saudades de lá.

    [Responder]

  • dia 07/11/2015

    Eu nunca tive muita vontade de conhecer a Argentina porque odeio espanhol mais que tudo na vida haha mas depois que meu namorado foi com a família, quase três anos atrás e voltou com fotos e histórias maravilhosas eu fiquei louca pra conhecer! Meu cunhado mora lá e estou até hoje esperando o namorado me convidar pra gente dar uma voltinha em Buenos Aires, até agora nada, mas quem sabe um dia hahahaha
    Aproveita muito e tira muitas muitas fotos pra mostrar pra gente!
    Boa viagem, Carol! <3

    [Responder]

    Carol Santana,
    dia 12/11/2015

    @Cecília Maria, somos duas, Ceci! Eu O-D-E-I-O espanhol. Você tem noção. Meu Deus, como eu detesto essa língua. A Argentina só foi escolhida porque minha amiga e eu precisavamos de um destino barato e prático pra ir. Acabou que ao longo da programação da viagem eu fui querendo mais e mais conhecer, mas a língua ainda é uma barreira muito grande pra mim.
    Se eu fosse você já começava a planejar essa viagem, fia, aproveita que você tem lugar pra ficar!
    Fotos já estão garantidas, possivelmente até vídeos (YEEEEI).

    Beijão, Ceci!

    [Responder]

  • dia 08/11/2015

    Sonho com esse tipo de viagem, mas me falta dinheiro e coragem. Como eu não sou fluente em nenhuma outra língua. tenho muito receio de viajar para fora, o que é uma pena, porque não posso morrer antes de ir para Londres. Mas também sou do tipo que pensa: puxa, antes de sair do país, primeiro preciso conhecer o que o Brasil tem. Antigamente, eu via conhecidos fazendo intercâmbio e viajando com os amigos, e ficava achando que eu era uma fracassada por isso, mas percebi que isso é uma bobagem. A gente tem é que se satisfazer com o que tem, e eu tô bem feliz com o que tenho.
    Boa viagem <3
    Espero fotos na volta, heinnn.

    Love, nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    [Responder]

    Carol Santana,
    dia 12/11/2015

    @Nina, A língua não é um impecilho, ainda mais quando você vai pra uma cidade mega turística. Eu fiz um curso de mais de um ano de espanhol, mas eu detesto tanto essa língua que a ÚNICA coisa que eu sei falar é Hola!, literalmente eu tenho ódio dessa língua. É péssimo pra mim enquanto profissional de Letras me sentir assim, mas tanta coisa ruim aconteceu porque eu fui estudar espanhol que eu simplesmente detesto mesmo. Tô pensando se te muita gente em restaurantes e etc que fale inglês lá porque o sofrimento por antecipação tá acontecendo e já faz tempo. Se depender de eu perguntar onde fica o ponto de ônibus, não sei.
    Tenho muuuita vontade de conhecer o Brasil, mas é tudo tão caro. Passagem pro Nordeste, por exemplo, é mais caro do que pra Disney (é sério isso!) o sonho prevalece, provavelmente vou fazer isso com o Bruno um dia, já que ele ama praias mais do que me ama, hahahaha.

    [Responder]



Top